• Da Redação.

// Jornada da Leitura 6.0 aborda a importância de ler para o envelhecimento saudável


Para comemorar a marca de mais de 1.000 idosos atendidos, desde março do ano passado, em seus 108 clubes de leitura, o Observatório do Livro vai realizar, em abril, uma jornada online para discutir e intensificar a divulgação entre a população mais velha sobre os benefícios da leitura de livros para uma velhice mais saudável. A atividade conta com a parceira do Sistema Estadual de Bibliotecas Públicas de Minas Gerais e da Biblioteca Pública Estadual de Minas Gerais.


A Jornada da Leitura 6.0, será transmitida ao vivo pelo Facebook e YouTube do Observatório do Livro, entre 7 e 9 de abril, das 16h às 18h. O evento terá a participação de especialistas no assunto e a presença de personalidades acima de 60 anos que vão relatar suas experiências com a leitura literária antes e durante a pandemia. O evento. Entre os convidados, figuram nomes como o escritor Paulo Lins, autor do livro Cidade de Deus, o diretor do Sesc São Paulo, Danilo Miranda, e a psicóloga Cláudia Ajzen, psicóloga especialista em gerontologia e coordenadora da Universidade Aberta para Pessoas Idosas, da Unifesp. As inscrições são gratuitas e as vagas são limitadas. As inscrições estão abertas e podem ser feitas neste link.


O projeto Clube de Leitura 6.0, iniciado pouco antes das medidas de isolamento social motivado pela pandemia do Coronavírus, já impactou, até a semana passada, a vida de 1.124 idosos em 26 cidades do Estado de São Paulo. Os membros dos clubes leem ao menos uma obra por mês e se reúnem semanalmente para falar sobre a leitura realizada – muitos deles chegam a ler um título por semana, perfazendo a média de quase 50 livros por ano, dez vezes o índice nacional, segundo a pesquisa Retratos da Leitura no Brasil (Ibope/Instituto Pró-Livro).


“A leitura literária pode funcionar como um santo remédio para o cérebro humano e mesmo para lidar com problemas como a ansiedade e a depressão e outras questões emocionais, principalmente em tempos de isolamento social”, afirma o presidente do Observatório do Livro, Galeno Amorim, que diz que a iniciativa também vem promovendo a inclusão digital dos idosos.


O responsável pelo projeto Clube de Leitura 6.0 destaca, ainda, que, mais do que o entretenimento cultural, os clubes de leitura para idosos também estimulam maior convívio social na medida em que se reúnem, mesmo que seja virtualmente, para conversar, desabafar ou trocar experiências.


Os membros dos clubes podem tanto se inscrever individualmente como participar dos grupos formados em instituições de longa permanência de idosos que aderiram ao projeto. Resultado de uma parceria com o Fundo Estadual do Idoso e a Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social, a ação tem o patrocínio das empresas Americanas, Metso, Uol, GetNet, Bic, Nitro Química, Deloitte, Raízen, Bayer e Sotreq; e o apoio de Tocalivros, Recode, Fundação Demócrito Rocha, Frente Nacional de Prefeitos e das empresas Foroni e Consigaz.



Fonte: Biblioteca Pública Estadual de Minas Gerais.

Imagem: Divulgação.

ÚLTIMAS PUBLICAÇÕES

DESTAQUES

//PausaCultural

Espaço totalmente direcionado para a troca de ideias, conteúdos e informações relacionadas a integração cultural, valorizando sempre a troca de experiências e a liberdade criatividade.

  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon
  • White YouTube Icon

ARQUIVO

INSCREVA-SE

 Deixe o seu Email abaixo para ser avisado sobre as novidades do //PausaCultural. 

© 2016: Todos  os direitos reservados para //PausaCultural.                   

Desenvolvimento e Criação: Sete Comunicação e Negócios.